sexta-feira, 24 de março de 2017

DOGMA ALPHA RYENO

Cerveja elaborada entre DOGMA e J.BEER, lançada em agosto de 2016. Uma Rye American IPA feita com malte de centeio, malte de cevada e lúpulos Azacca, El Dorado, Yellow Sub e Ella, com graduação alcoólica de 6.2%.


Aroma de frutas tropicais como laranja, melão e limão. No sabor há um dulçor inicial e um final amargo. Tem 70 IBU, corpo médio e carbonatação intermediária. 


Uma cerveja equilibrada, redonda, porém com muita personalidade. Delicada como um Rinoceronte.

quinta-feira, 23 de março de 2017

DOGMA ESTIGMA

Uma cerveja simplesmente espetacular. Trata-se da Estigma da Cervejaria Dogma. Uma American IPA com 7% de graduação alcoólica. 


O aroma é cítrico com notas de frutas como maracujá e abacaxi. O amargor se faz presente, principalmente no final, mas de maneira limpa e equilibrada no paladar, graças aos lúpulos: CITRA, MOSAIC, EQUINOX e AZACCA. O final é seco na boca, ou seja, a boca está sempre pedindo o próximo gole.


É uma cerveja complexa e deliciosa. Essa American IPA tem 70 de IBU, ou seja, tá no limite para esse estilo. É uma cerveja pra ficar marcada na cabeça. 

Ideal para harmonizá-la com uma picanha, um hambúrguer ou uma comida mexicana.

quarta-feira, 22 de março de 2017

DOGMA ÉDEN

Uma cerveja de trigo americana com graduação alcoólica de 5,1% e rótulo fenomenal, assim como quase todas os rótulos da Cervejaria Dogma de São Paulo-SP.


A Éden é uma salada de lúpulos: AZACCA, HALLERTAU BLANC, MANDARINA BAVARIA e HUELL MELLON. Uma porrada na cabeça!!!

A complexidade do aroma é absurda, ali você pode achar de tudo, desde uma manga, até uma tangerina, passando por uvas verdes, melão e pêssego. Não achamos todas essas frutas, mas várias delas estão sim, além de outras em menor teor aromático.


Pra quem está acostumado, uma cerveja fácil de beber, embora a complexidade aromática exista.

terça-feira, 21 de março de 2017

DOGMA SOURMIND

Conforme falamos no post anterior, a cerveja que vamos falar hoje é para os "fortes", ou melhor, para os "experientes", pois estamos falando de uma SOUR.

A DOGMA SOURMIND é um cerveja do estilo BERLINER WEISSE, ou seja, uma cerveja aromática, com paladar azedo e corpo um pouco mais aveludado. 


Na lata, a DOGMA trocou o WEISSE por RYESSE, pois há malte de centeio (apenas uma curiosidade).

A Dogma é conhecida por dominar a arte de utilização do lúpulo. Nessa cerveja foi utilizado o lúpulo CITRA (top). A carbonatação dessa cerveja é violenta, a boca fica picante. Com relação ao aroma, não tem segredo, manga e goiaba, conforme descrição do rótulo.


No paladar, uma verdadeira SOUR prevalece o azedo. E na DOGMA SOURMIND, foi isso que encontramos. Isso é ruim? NÃOOOOOO. Isso é SOUR.

Uma cerveja SENSACIONAL. A cada gole, o seu corpo pede outro gole, devido ao final seco.

A graduação alcoolica é 4,4% e a cor da cerveja é o amarelo palha. VALE CONFERIR: acidez e complexidade!!!!

segunda-feira, 20 de março de 2017

CERVEJA SOUR



Hoje vamos falar de tendência. Não é de moda, e sim de cerveja. E que fique claro isso rs. O Festival Brasileiro de Cerveja de Blumenau desse ano (2017) deixou claro que cervejas SOUR estão em alta.


SOUR não é um estilo de Cerveja! SOUR é uma maneira de descrever cervejas que apresentam algumas características: acidez, azedo e notas selvagens.

E quais são os estilos que se encaixam em cervejas do tipo SOUR? Estamos falando de Lambic, Berliner Weisse, Gueuze e Flanders Red Ale.


Tudo isso que estamos falando não é para o Cervejeiro iniciante, pois imagine uma pessoa acostumada com a SKOL da praia e resolve experimentar uma cerveja dessas. A cara dela vai ser idêntica a careta da lata da SOURMIND da cervejaria DOGMA (nosso próximo post é sobre a degustação dessa cerveja).


Mas o que marca realmente uma cerveja SOUR são suas notas selvagens. Os grandes responsáveis por isso são as leveduras. Pelo que andei estudando, uma SOUR tem que ter pelo menos uma dessas 3 leveduras: Brettanomyces, Lactobacillus ou Pediococcus. Hoje não vamos entrar em detalhes sobre elas, mas saibam que são importantes (merecem um post só sobre elas).

Nos EUA, a cerveja SOUR já é febre e está se popularizando rapidamente, talvez por isso ela esteja chegando forte por aqui. Conforme o consumidor de cervejas vai evoluindo seu paladar, ele tende a querer conhecer coisas novas. E as SOURs estão no topo da complexidade. 

FONTES:
http://www.edurecomenda.com.br/2014/04/sour-beers-um-pouco-sobre-elas.html
http://www.clubeer.com.br/blog/post/572-sour_
http://paladar.estadao.com.br/noticias/bebida,a-vez-da-berliner-weisse,10000076014
http://revistabeerart.com/news/cervejas-de-verao-da-dogma
http://www.destemperados.com.br/bebidas/sour-beer-cervejas-acidas-de-proposito

sábado, 18 de março de 2017

CEVADA PURA - Irish Red Ale

Irish Red Ale é sempre avermelhada (uma espécie de âmbar) e essa é assim mesmo. Antes de beber, eu achei que ela teria um corpo médio, mas me enganei, o corpo da cerveja é leve. A cerveja não pode tá muito gelada, senão você perde o aroma que ela oferece. É perceptível o caramelo, açúcar queimado e o malte levemente tostado. No paladar, eu senti algo herbáceo, coisa de mato mesmo e o malte tostado. Um cerveja muito boa.



Essa cerveja ganhou "Medalha de Ouro" no Festival Brasileiro da Cerveja em Blumenau 2015. Essa cerveja passa pelo famoso processo de "DRY-HOPPING" (mais pra frente eu escrevo sobre isso). O amargor é de 28 IBU.

Enfim, uma cerveja que me agradou, pois é bem lupulada, assim como tem que ser no estilo irlandês.

quinta-feira, 16 de março de 2017

St. Patrick’s Day

O St. Patrick's Day é comemorado no dia 17 de março. Mas o que é o St. Patrick?


Trata-se de uma festa originária da Irlanda, mas que hoje tem versões em diversos países do mundo. A ideia é homenagear o Santo Patrick. Esse Santo é o Padroeiro da Irlanda e missionário do cristianismo, que por sinal, é muito importante para o país.


A cerveja é tão importante para a cultura irlandesa e consequentemente para o St. Patrick's Day, que a Igreja Católica (que proíbe o consumo de álcool) suspende a proibição do consumo de álcool durante a celebração, que cai sempre durante a quaresma. Então, não tem desculpa para não aproveitar.


A verdade é que o St. Patrick's Day é uma das maiores festas cervejeiras ao redor do mundo, e que está sendo cada vez mais celebrada aqui no Brasil.


São Patrício era conhecido por converter os pagões celtas ao Cristianismo, utilizando o trevo - um dos símbolos da Irlanda (uma analogia à Santíssima Trindade).


A data é comemorada oficialmente pela Igreja desde o início do século XVII, e celebra a chegada do Cristianismo à Irlanda e a cultura irlandesa em geral. As comemorações envolvem desfiles nas ruas, músicas, danças folclóricas, celebração do idioma gaélico irlandês, o uso da cor verde e de trevos. Essa febre pela cor verde é gigantesca, inclusive tem gente que pinta tudo de verde: rostos, pontos turísticos, cerveja até rios inteiros....


Fonte: Site Mestre-Cervejeiro.com

Curta Nossa Página do Facebook!


  • Desenvolvido Por Verdelone
    Beer